Custos ambientais: uma análise nas indústrias siderúrgicas listadas no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE)

Elidiane Romanzini, Ricardo Santana de Almeida, Fabíola Graciele Besen, Tércio Vieira de Araújo, Valdir Serafim Junior

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo geral identificar as informações sobre custos ambientais e demonstrar como elas são evidenciadas pelas empresas classificadas no ISE (Índice de Sustentabilidade Empresarial).A criação do ISE, em 2005 teve por finalidade gerar um retorno as ações incluídas em sua carteira, se tornando atrativa aos investidores que defendem a responsabilidade social. A amostra de pesquisa serão as empresas siderúrgicas que possuem o selo do ISE. O estudo trata-se de uma análise descritiva, documental e qualitativa a partir dos relatórios administrativos e financeiros disponibilizados pelas empresas, abordando sua adesão ao programa de preservação ambiental e análise dos custos ambientais. Pode-se averiguar que as empresas citadas, buscam de modo geral desenvolver novos métodos de produção, onde realizem suas produções de maneira eficaz, proporcionando uma baixa na emissão de poluentes. Desse modo, mesmo a siderurgia sendo um dos maiores emissores de gases de efeito estufa (GEE),  percebe-se que com sua inserção no ISE, há uma preocupação pelo desenvolvimento sustentável

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Programa de Pós Graduação Mestrado Profissional e Doutorado em Administração - PPGA